logoExpo
logoCNCCR
nucleo_02

NÚCLEO 02

Farmácia

Não poderia haver arte de curar os corpos sem o saber da Farmácia, ainda que as relações entre médicos e farmacêuticos, por vezes, tenham sido polémicas. O aparecimento de novos medicamentos e novas formas (comprimidos e injectáveis) permitiu uma verdadeira revolução terapêutica. A produção farmacológica que se industrializava iniciava um caminho de democratização do medicamento, que haveria de relegar para segundo plano os preparados prescritos pelo médico ou segundo receita própria do farmacêutico. A Farmácia estendia também o seu saber aos produtos desinfectantes, contribuindo para a vulgarização dos preceitos de higiene.